ASL

JAZZOPA
A jazzopa é projeto que junta a Spoken Word, o Hip-Hop e o Jazz, numa linguagem artística e socialmente consciente, para participantes com aptidões consolidadas nas áreas propostas. A jazzopa, que em 2024 inicia a sua terceira edição, surge na continuidade do trabalho pedagógico desenvolvido pela Sons da Lusofonia há cerca de 20 anos com da OPA – Oficina Portátil de Artes.

A metodologia da jazzopa assenta num modelo de estúdio criativo, onde cada participante compõe em conjunto as músicas, as letras e os poemas que integrará o repertório de cada edição — a partir da ideia de improvisação em tempo real — através de ações de formação pluridisciplinares, com vertentes práticas e teóricas de várias áreas artísticas. Estas residências criativas são abertas à comunidade no sentido de estimular a escuta e a crítica sobre o trabalho desenvolvido em co-criação. O resultado do trabalho colectivo é apresentado todos os anos em concertos ao vivo nos festivais Festa do Jazz e Lisboa Mistura. Com direção artística de Carlos Martins e André Fernandes, este projecto procura estimular e consolidar a profissionalização de cada artista participante, dando-lhes ferramentas de trabalho que permitam desenvolver as suas competências artísticas e de produção musical. A jazzopa promove competências de trabalho na área da Produção, Criação e Performance Artística, através da construção de linguagens criativas onde as artes se conjugam à intervenção social, para uma mudança de práticas que diminuam as desigualdades crescentes na nossa sociedade.


Formação da Edição 2024: Razy (voz e baixo), Nitry (rap), Mariana Bonito (spoken-word), Francisco Bettencourt (saxofone), André Silvestre (trompete), Gonçalo Diogo Morais (guitarra), Rodrigo Lima (guitarra e baixo), João Pedro Melão (teclas) e Fillipe Padrão (bateria);

Formação da Edição 2023: Vanessa Parish Crooks (voz e spoken word), Luís Perdigão (spoken word), Vileiro (MC), YA SIN (MC), Ricardo Rosas (saxofone), Kiko Sá (trompete), Jery Bidan (guitarra), Débora King (piano), Francisco Nogueira (baixo) e Samuel Dias (bateria);

Formação da Edição de 2022: Cádi, May e Noiatt (MCs), Mateja Dolsak (saxofone), Mariana Trindade (trompete), Tom Maciel (teclas e synths), Zé Almeida (baixo eléctrico) e Miguel Fernández (bateria)