FESTA DO JAZZ - Edições

2009

26, 27 e 28 de Junho

7 é um número de grande simbolismo na cultura do mundo ocidental: 7 notas de música, 7 planetas sagrados, 7 dias da semana, etc. Acontece que agora também nós atingimos este número mágico: temos a 7ª Festa do Jazz do São Luiz, uma festa de jazz português que se faz em Lisboa.

Porquê estas analogias? Porque depois do 7 vem o 8 que pode ser a repetição do 1, para alguns. Para mim a 7ª Festa pode e deve encerrar um ciclo e abrir outro. E neste caso é importante o número 7, porque é uma inspiração para a mudança e é também a (consolação da) consolidação e inscrição de um projecto com uma carga sociocultural, simbólica e afectiva consideráveis em Portugal. É todavia um projecto que precisa ainda de maior exposição.

Comunicação nos media nacionais e internacionais especializados, abertura, internacionalização, programa de residências, masterclasses, encontros, edição de suportes áudio e vídeo, regulamentação do concurso das escolas de jazz, entre outros, são aspectos a ter em conta e a melhorar nas próximas edições.

Em 2009 temos mais uma vez em perspectiva uma grande Festa, este ano integrada nas Festas de Lisboa e fora do seu calendário habitual (que certamente retomará para o ano) dentro do Verão que trará uma atmosfera diferente e ainda mais alegre.

As razões para vir à Festa são as mesmas de sempre: grandes músicos e compositores, grandes instrumentistas, pequenos e grandes aspirantes das escolas de jazz de Portugal inteiro, muito público feliz com a música e o ambiente único da Festa, toda a equipa do Teatro São Luiz que sabe receber como ninguém e tão profissionalmente faz a Festa, e a respiração de um ar colectivo que raramente se respira entre nós.

Venham mais 7.
Veja o cartaz aqui.