parallax background
parallax background

OPA - Oficina Portátil de Artes

parallax background

Projecto artístico concebido pela Sons da Lusofonia com foco no Hip-Hop, que traz jovens da periferia ao centro da cidade e tem sido apresentado desde 2010 no Festival Lisboa Mistura. Tem como objectivo potenciar novas formas de cruzamento entre a pedagogia e a criação artística através da música.

Nos últimos anos, a OPA tem trabalhado com centenas de jovens de diversas origens e bairros da Área Metropolitana de Lisboa. Através de uma formação com a duração de cerca de 1 mês, dirigida por Francisco Rebelo (baixista Orelha Negra, Fogo-Fogo), são dadas ferramentas técnicas e artísticas que permitem uma evolução acompanhada e, ao mesmo tempo, um lugar em palcos centrais da cidade. Outro componente essencial é a criação de workshops esporádicos com artistas da área do hip-hop como complemento para a formação artística fornecendo-lhes peças acessíveis e desafiadoras que retratam outros olhares.

O objectivo da OPA é garantir a formação artística de novos talentos através de um acesso a variadas ferramentas e profissionais que os prepararam para um futuro mais promissor na área que apaixona os participantes de todas as edições: a música. Além disso a OPA cuida de promover as questões sociais e de cidadania numa perspectiva de intervenção e mudança.

Criamos uma via de abertura de caminhos entre profissionais, poder local, artistas e palcos, unificando oportunidades entre os bairros e o centro da cidade.

Edição 2021

Notícia em breve!

parallax background

A OPA – Oficina Portátil de Artes é um projeto pedagógico e artístico de raiz intercultural,
promovido há mais de dez anos pela Associação Sons da Lusofonia.